Azul aposta em aplicativo para fortalecer clima organizacional

Para planejar conteúdo digital, área de CI conheceu os diferentes públicos internos da companhia

Com 10 mil funcionários espalhados em diferentes regiões, a Azul Linhas Aéreas se viu diante do desafio de modernizar a Comunicação Interna da companhia. O trabalho começou com o mapeamento do projeto e no planejamento de um aplicativo que garantiu mais praticidade e engajamento aos funcionários. O aplicativo teve, em um mês, 7 mil acessos.

 

CONHECENDO O PÚBLICO

O primeiro passo foi entender cada público. Segundo Carolina Constantino, Gerente Sênior de Comunicação da instituição, “existiam funcionários diversos espalhados por todo o Brasil”. Isso fez com que, antes de planejar o aplicativo, a empresa, primeiro, focasse em conteúdos segmentados para essa variedade de público interno.

Dessa maneira, a gerente foi pessoalmente entender cada perfil de colaborador. Convivendo com cada público, foi constatado que cerca de 80% dos funcionários não trabalhavam com computadores e, quando trabalhavam, eram para acessar telas próprias do trabalho. Por isso, foi criado um jornal mural, e-mail e newsletter. O próximo passo foi incluir essas telas de acesso na Intranet para que os funcionários começassem a ter mais acesso à rede.

SEGMENTAÇÃO DO CONTEÚDO

Os conteúdos foram divididos conforme as “áreas”. Quem trabalhava no aeroporto tinha acesso às informações, exclusivamente, do aeroporto; o mesmo valia para quem era do setor operacional e de outras áreas. Após fazer esse mapeamento, a equipe de CI verificou que os funcionários começaram a interagir mais entre eles. “A gente via que quando o Jornal Mural mudava, eles ficavam felizes e apontavam para cada foto que aparecia, dizendo nome”, conta Carolina.

INTERATIVIDADE

Entretanto, o trabalho não acabou por aí. Após observar que os funcionários gostavam de praticidade, a empresa foi além e começou a elaborar um aplicativo para promover mais interação. O aplicativo consiste em apresentar notícias de interesse interno. Na página inicial o colaborador tem acesso aos noticiários que são destaques da companhia – tendo ainda a opção de organizar os conteúdos conforme o grau de preferência. Além disso, existe uma seção chamada Zoom, em que o colaborador pode compartilhar fotos, curtidas e comentários – similar ao Instagram.

 

PRESENCIAL AINDA SEMPRE IMPORTA

A gerente garante, “o método é ótimo, mas devemos fazer uma comunicação presencial, também, o que é mais importante”. O próximo passo da companhia é incluir os funcionários terceirizados no aplicativo. Constantino ainda ressalta que nenhum funcionário é obrigado a baixar o aplicativo e que o uso do celular pode ser feito em horário de trabalho, mas com o bom-senso de não atrapalhar as atividades da companhia. O colaborador pode obtê-lo por meio das lojas virtuais Google Play e App Store.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 Comentários